O Túnel do Tempo
Olá visitante!

Não há atividade neste fórum atualmente. Queira dirigir-se à seção de História do Fórum PiR2

http://pir2.forumeiros.com/

Muito obrigado.

Crise de 1929

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Crise de 1929

Mensagem por JoaoHistoria em 20th Junho 2012, 14:16

Bom, vou falar o que eu sei da crise de 1929 e fazer a minha pergunta depois.
A economia dos Estados Unidos no contexto do pós Primeira Guerra Mundial foi de grande desenvolvimento da economia, baseado principalmente na venda da idéia de que o consumo era a principal forma de se obter satisfação. Essa idéia foi chamada de ''Estilo de vida americano'' (American Way of Life) e teve grande desenvolvimento da indústria em função do aumento da demanda interna. Tal fato alimentou o desejo ''cego'' das indústrias em produzir e vender, sem maiores preocupações com o mercado. Como citado, esse estilo de vida dos americanos já estava presente no período do pós-Primeira Guerra Mundial, no qual os países da Europa estavam recuperando suas economias através da importação de produtos americanos, aumento ainda mais o desejo de produção e aumento da mesma por parte dos empresários dos Estados Unidos. Porém, a fim de recuperar as suas economias, os países da Europa passaram a tomar medidas protecionistas em relação aos Estados Unidos, impedindo a importação excessiva desse país, causando a queda vertiginosa das exportações por parte do país americano; dessa forma, os Estados Unidos entraram numa grave crise econômica acarretando a crise de 1929 (quebra da Bolsa de Nova York ou ainda o ''crash'' de 1929). Porém, como a economia mundial era ainda profundamente ligada à dos Estados Unidos, todos os países do mundo, de alguma forma, foram afetados prla crise, tais como a Europa e inclusive o Brasil, que teve de deixar de exportar grande quantidade do café que exportara ao país norte-americano decorrente da falta de dinheiro pelos americanos, que, após a crise, perderam grande parte dos seus empregos, devido às falências de empresas, indústrias, fábricas, entre outros setores importantes da sociedade.

Aí ta meu resumindo, pouco organizado, mas... gostaria de saber se está ''ok'' o que eu coloquei acima...

Agora as perguntas! Smile
A crise de 29 também tem alguma relação com o nazismo? Ou com o aumento dos movimentos nazi-fascitas?
Posso dizer que foi uma estratégia ''burra'' por parte dos Europeus, sabendo da tamanha força dos EUA, terem feito tomado uma atitude protecionista em relação ao país norte-americano? Tipo, eles se ferraram também com a crise..então!...

Galera do fórum, MUITO obrigado sempre! vocês substituem meu cursinho pré-vestibular, sério! (pobre :[ kkkk)
Vlwewww

JoaoHistoria
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 40
Data de inscrição : 09/03/2012
Idade : 24
Localização : Lorena- São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crise de 1929

Mensagem por EuclidesPiR2 em 21st Junho 2012, 02:17

Olá João,

a sua interpretação dos fatos é que não está muito boa.

Após o fim da primeira guerra a economia americana estava em uma excelente fase de crescimento motivada pelo crescimento do consumo interno e pelas exportações, já que a Europa estava em recuperação e, num primeiro momento, não produzia o necessário para manter seu consumo e recuperação.

As ações da empresas americanas subiam mais e mais e se tornaram o principal investimento dos americanos. Os bancos ofertavam muito crédito e esse crédito era em grande parte investido no mercado de ações.

À medida em que a Europa se refazia, diminuía sua necessidade de importar e mais ou menos ao mesmo tempo, a elevada alta nas bolsas fez os investidores acreditarem que poderia haver queda nos preços e passassem a vender suas ações para realizar os lucros. Os investidores, em geral, têm o que se chama de "comportamento de manada", isto é, com o aumento das ofertas de ações para venda, mais investidores passaram a querer vender. O excesso de oferta faz cair os preços e o super excesso fez com que os preços desabassem totalmente.

Como toda a economia americana estivesse direta ou indiretamente atrelada a esses investimentos, a crise passou a fazer quebrar bancos, indústrias, produzir desemprego e se retroalimentar.

Como principal economia mundial, os EUA eram também os principais importadores mundiais e a crise minguou as compras americanas se estendendo pelo mundo.

A crise instalada na Europa facilitou o desenvolvimento das idéias nazi-fascistas (sem ter sido sua causa). O discurso nacionalista e xenófobo dos nazi-fascistas encontrou mais fácil receptividade entre o povo desesperançado e mal informado.

_________________
O homem que se desinteressa da História não tem raízes e não se importa com o futuro.

EuclidesPiR2
Administrador

Mensagens : 169
Data de inscrição : 25/03/2010
Localização : São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crise de 1929

Mensagem por JoaoHistoria em 21st Junho 2012, 18:53

Vlw, Euclides!
Very Happy

JoaoHistoria
Membro Regular
Membro Regular

Mensagens : 40
Data de inscrição : 09/03/2012
Idade : 24
Localização : Lorena- São Paulo

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Crise de 1929

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 21:12


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum